Terrier Australiano

O Australian Terrier é uma raça originária da Austrália, criada como um cão de quinta versátil. Apesar do seu tamanho, a raça destaca-se pela sua coragem na caça e pelo seu corpo vigoroso. São cães enérgicos, afectuosos e leais, ideais para a vida familiar.

Detalhes gerais

Os cães desta raça são pequenos em tamanho, mas robustos em constituição. A raça pesa normalmente entre 5,5 e 8 quilogramas e mede entre 25,5 e 28 centímetros. A esperança de vida é de 11 a 15 anos e pertence ao Grupo 3 da Fédération Cynologique Internationale (FCI), que agrupa os Terriers.

Breve história da raça

O Australian Terrier é uma raça originária da Austrália do século XIX, onde foi criada para ser um cão versátil e para ajudar os agricultores a eliminar e controlar roedores e outras pragas. O Australian Terrier é uma das poucas raças do grupo Terrier que foi criada fora da Grã-Bretanha, apesar da sua ascendência britânica. A raça foi introduzida nos Estados Unidos na década de 1940, onde foi utilizada principalmente como animal de companhia. Até hoje, o Australian Terrier continua a desempenhar as suas funções como cão de trabalho em algumas partes do mundo, embora seja mais comum ser o companheiro de vida de muitas famílias devido à sua natureza afectuosa e leal.

Características da raça

O Australian Terrier é um cão pequeno mas robusto, alongado e com membros curtos. A linha superior é plana e o peito apresenta uma profundidade e largura moderadas. Os olhos são pequenos, ovais e de cor castanha escura. As orelhas são pontiagudas e erectas e a cauda é normalmente cortada. A pelagem desta raça é dupla, com um subpêlo curto e de textura macia e um pelo superior áspero e de comprimento médio. Algumas zonas, como o focinho, a parte inferior dos membros e os pés, não devem apresentar pelo comprido. A cor da pelagem é geralmente arenosa ou azul com marcas bronzeadas, embora possa haver alguns pêlos pretos ou prateados alternados na pelagem. Os cães Terrier australianos são conhecidos pela sua lealdade e, embora tenham o carácter forte típico dos Terriers, são também equilibrados. Estas características, juntamente com a sua personalidade enérgica e afectuosa, fazem deles excelentes animais de companhia. São cães facilmente treináveis que se destacam em desportos caninos como a obediência e a agilidade.

Doenças comuns

Os Australian Terriers, com os melhores cuidados e atenção, podem desfrutar de uma vida longa e saudável, embora estejam predispostos a certos problemas de saúde. Entre as doenças ou perturbações mais comuns contam-se o nanismo, os colobomas múltiplos, o descolamento da retina, a síndrome de Vogt-Koyanagi-Harada-like, a osteocondrose, as cataratas, a surdez congénita, a displasia da anca, o hipotiroidismo, a microftalmia, a atrofia progressiva da retina, a espinha bífida, o vitiligo e a doença de von Willebrand. Além disso, o Centro de Informação sobre a Saúde dos Caninos (CHIC) da OFA (Orthopaedic Foundation for Animals) recomenda a realização de testes para detetar tiroidite autoimune.

Ainda não conheces a verdadeira natureza do teu cão?

Desvende os segredos do ADN do seu animal de estimação com as nossas duas gamas.

starter

Raças + Traços físicos

advanced

Saúde + Raças + Traços físicos

O teste de ADN que procurava