Husky do Alasca

O Husky do Alasca é uma raça criada para fins de trabalho. Os cães caracterizam-se fisicamente pela sua velocidade, resistência e capacidade de puxar cargas pesadas em condições climatéricas desfavoráveis. Os Huskies do Alasca têm um aspeto muito variado, mas distinguem-se pela sua pelagem densa que actua como isolante térmico.

Detalhes gerais

Os cães desta raça são de tamanho médio, pesando entre 18 e 27 kg nos machos e entre 16 e 22 kg nas fêmeas. A altura varia entre 51 e 64 centímetros nos machos e cerca de 59 cm nas cadelas. A esperança de vida é de 10 a 15 anos e não são reconhecidos pela Fédération Cynologique Internationale.

Breve história da raça

A origem exacta do Husky do Alasca é desconhecida, mas parece ter tido origem nas aldeias indígenas do Alasca, onde durante muito tempo foram utilizados como cães de trenó para transporte e caça. Estudos genéticos mostram que existe uma estreita relação entre o Husky do Alasca, o Husky Siberiano e o Malamute do Alasca. Outras raças, como o Greyhound ou o Saluki, parecem ter estado também envolvidas no desenvolvimento do Malamute do Alasca, o que explicaria a baixa percentagem de gordura corporal destes cães em comparação com outras raças árcticas. Atualmente, os Huskies do Alasca são normalmente utilizados para corridas de trenó, embora em algumas zonas do mundo ainda sejam utilizados para o transporte de mercadorias. Para além dos fins profissionais e lúdicos, nos últimos anos alguns cães foram criados como animais de companhia.

Características da raça

Devido à ausência de um padrão de raça, a grande variabilidade na aparência do Husky do Alasca torna-o difícil de descrever. Em geral, são cães de tamanho médio, musculados e magros. Os membros do Husky do Alasca são musculados e compridos, tal como o seu dorso. Os olhos são amendoados e maioritariamente escuros, embora possa ocorrer uma combinação de azul e castanho. A cauda é enrolada e a cabeça é em forma de cunha com orelhas pontiagudas e erectas. O Husky do Alasca tem uma pelagem densa com uma vasta gama de cores, como o preto, o cinzento, o branco e o castanho, bem como uma variedade de padrões de coloração. A pele destes cães produz naturalmente óleos que ajudam a remover os materiais que ficam presos no pelo. Os cães Husky do Alasca caracterizam-se pela sua inteligência e capacidade de trabalhar em equipa, o que os torna adequados para atuar como cães de trenó. São também cães enérgicos com grande resistência mental e física. A sua natureza é afectuosa, o que lhes permite criar laços fortes com os seus tratadores.

Doenças comuns

Devido ao seu passado profissional, os cães Husky do Alasca têm normalmente poucos problemas de saúde hereditários, mas os mais comuns são: paralisia da laringe, atrofia progressiva da retina, displasia da anca, artrite, hipotiroidismo e cataratas.

Ainda não conheces a verdadeira natureza do teu cão?

Desvende os segredos do ADN do seu animal de estimação com as nossas duas gamas.

starter

Raças + Traços físicos

advanced

Saúde + Raças + Traços físicos

O teste de ADN que procurava